-- prueba de acceso --

Press Enter

PROJECT TITLE

    Press Enter

    bhive

    Don't have an account yet? Sign up now!

    Blog

    bhive
    Feb 15 th, 2017
    Trends & Opinions No Comments

    Artigo da bhive à revista HSM

    Revista HSM

    Sob o conceito colaborativo, a bhive promove disrupção na consultoria de gestão, tornando o serviço mais acessível a todo tipo de organização.

     

    Startups inovam, por definição. Elas reinventam atividades tradicionais ou criam outras modalidades de tecnologia e serviços. Esse é o elemento que distingue, no linguajar do mercado, uma startup de outros empreendimentos novos.

    Freelancing é uma tendência que vem atraindo muita gente, principalmente entre millennials, que valorizam o controle sobre suas carreiras e a flexibilidade, além de ser uma ótima oportunidade para executivos mais experientes, que já têm “cacife” suficiente para dizer quanto e quando querem trabalhar.

    Tendo isso em mente, tivemos a ideia, Adriana Peceno e eu, de criar um negócio que une empresas e especialistas. O insight veio durante nosso MBA no Instituto de Empresa (IE), em Madri, quando fomos aprovados na aceleradora da escola. Nosso propósito era oferecer talentos de alta qualificação para pequenas e médias empresas na América Latina – em geral, sem acesso a consultorias de negócios.

    “FAZEMOS UMA AVALIAÇÃO MENSAL DE CLIENTES E ESPECIALISTAS, PARA DETECTAR GARGALOS”

    Fomos finalistas em competições de startups na Espanha e em Singapura e recentemente aprovados no Start-Up Chile. Essas competições em geral garantem o fôlego das startups e seu destaque no mercado, e não tem sido diferente conosco.

    Assim nasceu a bhive, para conectar talentos (que trabalham remotamente, em home offices)
    e empresas em toda a América Latina. Mesclamos diferentes culturas na gestão, ao termos um sócio brasileiro, um argentino e um venezuelano, todos vindos de carreiras em multinacionais e acostumados à diversidade.

    Na ponta dos especialistas, temos uma base de quase mil MBAs e executivos de todas as áreas e do mundo inteiro, e nossa meta é chegar a 20 mil consultores em dois anos. Na ponta das empresas, elas buscam para seus projetos profissionais com experiência em mercados específicos – ouvimos de um cliente que eles tinham adorado os especialistas de Harvard e Stanford que haviam se interessado por seu negócio, mas precisavam de alguém com décadas de experiência em logística em São Paulo.

    Também temos outros projetos seguindo uma linha de inovação, principalmente em áreas como marketing ou governança, em que o objetivo das empresas é entender o que está sendo feito nos mercados de ponta e se destacar. Esses são perfeitos para consultores que vêm dos mercados mais desenvolvidos, como os Estados Unidos, a Europa ou a Ásia.

    A bhive oferece às empresas uma nova ferramenta para ajudá-las a cumprir objetivos e alcançar melhores resultados, simplesmente apoiando-se no conceito de economia colaborativa. Agora, se você tem um problema em sua empresa, pode trazer grandes especialistas do mercado para resolvê-lo – com valores bastante razoáveis. Isso tende a fazer a diferença na hora de competir com outras empresas de seu segmento.

    De nossa parte, auxiliamos tanto as empresas clientes como os especialistas a esclarecer dúvidas sobre escopo, entregas do projeto, prazos e até preço. Também fazemos uma avaliação ativa dos clientes e dos especialistas mensalmente, para entender o fluxo do projeto e
    possíveis gargalos. Não atendemos só pequenas e médias empresas, como previsto inicialmente. Temos projetos com Bank of America e Advent na área financeira, Yara na área de químicos e agricultura e NCR em tecnologia, entre outros.


    Comment